Quem foi Sócrates?

Perguntado por: epadilha . Última atualização: 15 de julho de 2022
4.6 / 5 19 votos . 9 colaboradores . 1340 visualizações

Sócrates foi um grego de origem humilde que revolucionou o pensamento ocidental de tal modo que foi condenado à morte em 399 a.C. Mestre de Platão, Sócrates teria inaugurado o período antropológico da filosofia grega. Sócrates (470 – 399 a.C.) foi um filósofo grego que revolucionou o pensamento ocidental.

O princípio da filosofia de Sócrates estava na frase "Conhece-te a ti mesmo", um oráculo universal dado pelo deus Apolo na mitologia grega. Antes de lançar-se em busca de qualquer verdade, o homem precisa se auto analisar e reconhecer sua própria ignorância.

Sócrates foi considerado um dos principais pensadores da Grécia Antiga e também o criador da filosofia ocidental, foi considerado durante sua época o homem mais sábio de todos os seres humanos.

Graças a Sócrates, a dialética e a maiêutica se firmaram como bases do método filosófico. Saber dialogar no processo de busca da verdade, eis a síntese que edificou o saber ocidental. O filósofo buscava a verdade, algo negado em muitos “ambientes instruídos” e conceito desacreditado por autoinitulados “pensadores”.

De qualquer forma suas principais ideias envolviam crer: Na imortalidade da alma. Na impossibilidade de se aprender as virtudes com os sofistas. Na busca pela virtude como mais importante que a busca por dinheiro.

Sócrates foi um grego de origem humilde que revolucionou o pensamento ocidental de tal modo que foi condenado à morte em 399 a.C. Mestre de Platão, Sócrates teria inaugurado o período antropológico da filosofia grega. Sócrates (470 – 399 a.C.) foi um filósofo grego que revolucionou o pensamento ocidental.

O filósofo também possui uma gigantesca importância no campo da ética e moral, conhecimento humano, entre outras áreas do conhecimento. Importantes filósofos como Sócrates podem aparecer em questões de vestibulares de todo país, assim como no Enem. Por isso vale a pena ficar ligado no assunto, acompanhe!

A FILOSOFIA DE SÓCRATES
Não se julgava um sábio erudito, mas simplesmente se autodenominava um “amante da sabedoria”. “E o que é senão ignorância, a mais reprovável, acreditar saber aquilo que não se sabe?”. Em outras palavras, o reconhecimento da própria ignorância é o primeiro passo para a busca da verdade.

Tales de Mileto, pai da Filosofia
Segundo uma tradição, que remonta aos próprios gregos antigos, o primeiro filósofo da história teria sido Tales de Mileto. Criado em uma época na qual a religião era a justificativa para tudo, ele ficava indignado por “todas as coisas estarem cheias de deuses”.

Aristóteles, filósofo grego antigo, modificou o pensamento filosófico de sua época. O elemento de seu legado que principalmente influenciou a produção filosófica foi a sua classificação sistemática do conhecimento, que antes era composto por um emaranhado de saberes de áreas diferentes.

A noção de idealismo pode ser considerada como a mais influente de Platão para a posteridade e a mais importante dentro de sua obra, pois o filósofo criou nas ideias e nos conceitos das coisas a verdadeira essência e o verdadeiro conhecimento possível.

A Filosofia é muito importante para nós, embora muitos não saibam da sua importância. Ela nos ajuda desvendar os mistérios e histórias da nossa existência, e compreender o porquê e a razão fundamental para tudo o que existe.

Aristóteles é conhecido como um filósofo empirista. Ou seja, ele baseava o conhecimento na experiência. Segundo o filósofo e ao contrário de Platão, o conhecimento da verdade deveria passar por dois campos de nosso saber: o intelecto puro (razão) e os sentidos do corpo.

Na filosofia de Platão encontramos a dualidade entre a alma e o corpo. Segundo ele, o ser humano era imortal e essencialmente alma, donde ela pertencia ao mundo inteligível (apreendido pelo intelecto) e não o mundo sensível (apreendido sobre os sentidos).

Podemos entender a afirmação de Sócrates de que “a vida sem reflexão não vale ser vivida”, porque a vida, sem reflexão sobre a realidade, sobre os fatos, não tem sentido.

A Filosofia tem lugar de nascimento, a Grécia, e um “pai”, Tales de Mileto.

Pitágoras

A filosofia nasceu na Grécia antiga, no início do século VI a.C. Tales de Mileto é reconhecido como o primeiro filósofo, apesar disso, foi outro filósofo, Pitágoras, que cunhou o termo "filosofia", uma junção das palavras "philos" (amor) e "sophia" (conhecimento), que significa "amor ao conhecimento".

Sócrates é considerado o patrono da Filosofia, por isso seu nome é um marco que divide a filosofia grega entre os períodos pré-socrático e socrático.

Segundo Aristóteles, não se deveria classificar a democracia como o Governo que a maioria domina, pois mesmo que, em uma cidade, a maioria dos indivíduos fosse rica e eles dominassem isso seria chamada de uma democracia, mesmo tendo uma maioria seria uma oligarquia, pois o poder estaria nas mãos, somente, dos ricos.

Aristóteles - Filosofia. Segundo Aristóteles, a filosofia é essencialmente teorética: deve decifrar o enigma do universo, em face do qual a atitude inicial do espírito é o assombro do mistério. O seu problema fundamental é o problema do ser, não o problema da vida.