Qual foi o estopim da primeira guerra mundial?

Perguntado por: ralves . Última atualização: 15 de julho de 2022
4.6 / 5 16 votos . 9 colaboradores . 698 visualizações

Sarajevo, 28 de junho de 1914: um atentado torna-se o estopim da Grande Guerra. O herdeiro do império austro-húngaro, o arquiduque Francisco Ferdinando, foi assassinado juntamente com sua esposa, Sofia, a duquesa de Hohenberg, por um jovem nacionalista sérvio, Gavrilo Princip, integrante do grupo separatista Mão Negra.

Qual foi a causa da Primeira Guerra Mundial? O fato que deflagrou a Primeira Guerra foi o assassinato do arquiduque Francisco Ferdinando, herdeiro do trono austríaco, e sua esposa no dia 28 de junho de 1914. O arquiduque e sua esposa foram mortos a tiros em Sarajevo, capital da Bósnia.

O estopim para a Segunda Guerra Mundial
Foi a Teoria do Espaço Vital que levou Hitler a invadir a Polônia, em 1939, buscando recuperar o domínio sobre a cidade de Danzig. Existiram várias tentativas anteriores de reanexar o território, mas apenas em 1º de setembro de 1939 o objetivo foi atingido.

A Primeira Guerra Mundial teve início no dia 28 de julho de 1914 e durou até 11 de novembro de 1918, com a rendição alemã. O estopim foi o assassinato do herdeiro do trono do Império Austro-Húngaro que arrastou as nações para a guerra por conta de tratados de amizade e defesa.

Fases da Primeira Guerra Mundial
A primeira fase é conhecida como Guerra de Movimento (1914), a segunda fase é a Guerra de Trincheiras (1915 – 1917) e, por fim, a Segunda Guerra de Movimento ou Fase Final (1918). Nos primeiros meses as tropas tiveram como estratégia a movimentação e a ocupação dos fronts.

Surgimento de novos países
Após a Grande Guerra, quatro impérios desmoronaram: Alemão, Austro Húngaro, Russo e Otomano. Deles surgiram uma série de novos países, como Polônia, Tchecoslováquia, Iugoslávia, Áustria, Hungria, Estônia, Lituânia e Letônia.

O assassinato do arquiduque Francisco Ferdinando foi o estopim da Primeira Guerra Mundial.

As guerras são conflitos armados que acontecem por diferentes motivos, como desentendimentos religiosos, interesses políticos e econômicos, disputas territoriais, rivalidades étnicas, entre outras razões.

A disputa por colônias, o nacionalismo exacerbado, o choque de interesses imperialistas e as alianças que deram origem a blocos antagônicos foram alguns dos motivos que transformaram o velho continente em um barril de pólvora.

O estopim para o conflito deu-se com a invasão da Polônia realizada pelos alemães, em setembro de 1939. A Segunda Guerra Mundial ficou marcada pelos horrores do Holocausto e do lançamento das bombas atômicas.

Em 1º de setembro de 1939, as tropas alemãs invadiram a Polônia. Apesar das inúmeras exigências para que se retirassem do território polonês, elas permaneceram. Com a recusa alemã em cumprir as exigências, Inglaterra e França declararam guerra contra a Alemanha, desencadeando a Segunda Guerra Mundial.

Além disso, Adolf Hitler e a Alemanha nazista ficaram marcados pelo Holocausto e pela perseguição de judeus, negros e homossexuais. Porém, a aplicação da guerra total teve como estopim a invasão da Polônia no dia 1º de setembro de 1939.

b) A Primeira Guerra Mundial influenciou os movimentos e partidos socialistas no sentido de fortalecer a concepção de que a guerra era um conflito entre burguesias nacionais imperialistas e que não contemplava os interesses das classes operárias, o que acabou acelerando processos revolucionários em alguns países da ...

O estopim da guerra foi o assassinato do arquiduque do Império Austro-húngaro Francisco Ferdinando, na cidade de Sarajevo (Bósnia e Herzegovina), por um grupo nacionalista sérvio denominado Mão Negra.

Entre duas batalhas, a vida nas trincheiras foi muito dura para os combatentes da Primeira Guerra Mundial, que além da penúria, da falta de higiene, da chuva, dos piolhos e dos ratos, conviviam com o cheiro de morte. No verão de 1914, os combatentes partiam para uma "guerra jovial" de alguns meses.

A primeira fase ocorreu de agosto a novembro de 1914 e ficou conhecida como a guerra de movimento, quando a Alemanha realizou ataques agressivos contra a França. Os alemães invadiram a Bélgica, derrotaram os franceses e caminharam rumo a Paris.

Entre as principais consequências da Primeira Guerra Mundial está a ascensão do nazismo e fascismo como regimes totalitários. Eles surgem, principalmente, como resposta ao cenário de devastação política e econômica que o conflito deixa na Europa, especialmente na Alemanha.

28 de julho de 1914 – 11 de novembro de 1918

O evento trágico foi resultado das inúmeras causas da Primeira Guerra Mundial. Entre os fatores estão a rivalidade econômica e os ressentimentos guardados por fatos ocorridos no passado, além das questões nacionalistas. O principal estopim da guerra foi Atentado de Sarajevo, capital da Bósnia, em 28 de junho de 1914.

"O principal legado da Primeira Guerra Mundial para o Brasil foi revelar nosso atraso político e econômico. O país perdeu oportunidades de usar o conflito, a começar pela decisão de escolha de lado.