Quais xaropes tem corticóide?

Perguntado por: dbelchior . Última atualização: 15 de julho de 2022
4.5 / 5 2 votos . 3 colaboradores . 944 visualizações

Os corticoides podem ser divididos em seis grupos:

  • Tópicos (hidrocortisona, betametasona, mometasona ou dexametasona) ...
  • Orais (prednisona ou deflazacorte) ...
  • Injetáveis (dexametasona, betametasona) ...
  • Inalatórios (fluticasona, mometasona) ...
  • Spray nasal. ...
  • Colírio (prednisolona ou dexametasona) ...
  • Efeitos do corticoide: aumento de peso.

Os corticoides são substâncias utilizadas para reduzir inflamações ou atividade do sistema imunológico do corpo. Dessa forma, os efeitos do corticoide alteram a ação do hormônio cortisol, influenciando no funcionamento de células da pele, tecido gorduroso ou ossos.

Os corticoides são uma classe de medicamentos anti-inflamatórios e imunossupressores, ou seja, são usados principalmente para suprimir os mecanismos de defesa do nosso corpo em casos de transplantes ou enxertos, por exemplo.

Quais são os tipos de corticoides?

  • Corticoide tópico. Esse tipo de corticoide se encontra nas versões de creme, pomada, loção e em gel, servindo para aliviar inflamações locais na pele. ...
  • Corticoide injetável. ...
  • Corticoide oral. ...
  • Corticoide spray nasal. ...
  • Corticoide inalatório. ...
  • Corticoide colírio.

Os corticosteróides são hormônios esteróides produzidos no córtex adrenal a partir do colesterol e se dividem em glicocorticóides (cortisol), mineralocorticóides (aldosterona) e 17-cetosteróides (androgênios).

Além desses sintomas da síndrome, o uso prolongado de corticoides pode causar também afinamento da pele, gastrite, úlcera, problemas nos dentes, miopia, glaucoma, catarata, osteoporose, insônia, depressão, acne, hipertensão e até mesmo diabetes.

O que é a prednisona e para que serve
A prednisona é utilizada no tratamento de diversos problemas: alergias, distúrbios endócrinos e osteomusculares e doenças dermatológicas, reumatológicas, oftalmológicas e respiratórias, entre outras.

Corticorten é indicado para o tratamento de:
Doenças osteomusculares (doenças dos ossos e músculos); Distúrbios do colágeno (doenças que afetam vários órgãos e tem causa autoimune); Doenças dermatológicas (doenças da pele);

25 mg Miligrama por miligrama, a dexametasona é aproximadamente equivalente a betametasona, 4 a 6 vezes mais potente que a metilprednisolona e a triancinolona, 6 a 8 vezes mais potente que a prednisolona e a prednisona, 25 a 30 vezes mais potente que a hidrocortisona, e cerca de 35 vezes mais potente que a cortisona.

O anti-inflamatório já produz alivio dos sintomas da inflamação nas primeiras horas após o seu início, enquanto o antibiótico precisa de 24 a 48 horas para atingir níveis sanguíneos adequados para eliminar as bactérias. Para saber mais sobre os anti-inflamatórios, leia: ANTI-INFLAMATÓRIOS – Ação e Efeitos Colaterais.

As pomadas corticóides, como o acetato de dexametasona ou valerato de betametasona, são remédios para uso tópico, ou seja, uso sobre a pele, indicadas nos casos de dermatite, eczema, coceira, vermelhidão ou alergias da pele, por exemplo.

Os corticóides agem de duas formas diferentes, por via genômica e não genômica: Forma genômica: ocorre de forma lenta, influenciando os genes em produzir substâncias antiinflamatórias e inibir a produção de substâncias próinflamatórias. É responsável por efeitos benéficos terapêuticos e também pelos efeitos adversos.

Esse medicamento pode demorar até 30 dias após a última dose para sair totalmente do organismo, após esse período o tempo para desinchar varia dependendo do seu metabolismo.

A depender do tipo de enfermidade que esteja sendo tratada, espera-se que o fármaco já comece a fazer efeito dentro de 1 a 3 horas após seu uso, e os resultados buscados podem ser observados em poucos dias ou mais tempo, conforme o quadro de cada paciente.

Qual a diferença entre prednisona e dexametasona? Ambos são corticosteróides, mas têm mecanismo de ação diferentes, formas de apresentação diferentes (comprimido ou frasco-ampola, por exemplo), além de tempo para início de ação e duração diferentes também. Essas são apenas alguns dados de diferenciação.

A betametasona, derivado sintético da prednisolona, produz potente efeito antiinflamatório, anti-reumático e antialérgico no tratamento de doenças que respondem aos corticosteróides.

Os corticóides são esteróides da supra-renal que têm uma estrutura básica contendo 17 carbonos, os quais são distribuídos em três anéis hexano e um anel pentano.

Entre os efeitos colaterais mais importantes do uso prolongado de prednisona, podemos citar: Ganho de peso. Acumulo de gordura na face e no tronco (síndrome de Cushing). Diabetes mellitus.

“O uso prolongado de corticoide causa retenção de líquido em nosso organismo, devido a alteração na eliminação de sódio, o que leva ao inchaço neste paciente. Como estes medicamentos também podem causar aumento de apetite, isso pode resultar em ganho de peso indesejado”, diz Dr. Phillip.

COMO TOMAR Prednisona? É aconselhada a ingestão de um comprimido diariamente, pela manhã, com a ajuda de um copo d'gua para facilitar.