Quais países formaram a tríplice aliança?

Perguntado por: agomes . Última atualização: 15 de julho de 2022
4.6 / 5 12 votos . 14 colaboradores . 1034 visualizações

O resultado foi a formação de dois blocos opostos:

  • Tríplice Aliança: Alemanha, Áustria-Hungria e Itália. ...
  • Tríplice Entente: Inglaterra (ou melhor, Grã-Bretanha), França e Rússia. ...
  • Impérios Centrais: Alemanha, Áustria-Hungria, Turquia e Bulgária.

A Tríplice Entente foi uma aliança formada pela Inglaterra, Rússia e França a fim de resistir e contestar a Tríplice Aliança. Surgiu no início do século XX, em 1907.

Tratado da Tríplice Aliança foi a união entre Argentina, Império do Brasil e Uruguai para lutar contra o Paraguai na Guerra do Paraguai entre 1864 e 1870. Este tratado foi objeto de curtas negociações entre os três países interessados.

Duas condições levaram a Itália a rejeitar sua adesão à Tríplice Aliança e unir-se a Entente. Em primeiro lugar o irredentismo, ou a existência de comunidades italianas ainda fora do reino da Itália, neste caso, especificamente no interior do Império Austro-húngaro, como o Trentino, Trieste ou Fiume.

Em 26 de abril de 1915, a Itália assina um tratado secreto com a Inglaterra e a França. Em troca da promessa de ganhos territoriais, ela lhes propõe entrar na guerra ao seu lado contra a Alemanha e a Áustria-Hungria, a quem estava ligada desde 1892, por meio da Tríplice Aliança.

A Primeira Guerra Mundial encerrou-se como resultado do esfacelamento das forças da Tríplice Aliança. Bulgária, Áustria-Hungria e Império Otomano renderam-se, sobrando apenas a Alemanha. O Império Alemão, arrasado pela guerra, também se rendeu após uma revolução estourar no país e levar ao fim da monarquia alemã.

Resumo sobre a Tríplice Aliança
Os objetivos principais desse pacto era isolar franceses e russos e impedir uma nova guerra na Europa. A partir da década de 1890, a política externa alemã tornou-se mais agressiva, o que incentivou a formação da Tríplice Entente, formada por Rússia, França e Grã-Bretanha.

Significado de Entente
Etimologia (origem da palavra entente). Do francês entente, "entendimento".

Itália. No início da Primeira Guerra Mundial, a Itália abandonou a Tríplice Aliança e se recusou a participar do conflito.

A Itália, parte da Tríplice Entente, saiu vencedora da Primeira Guerra Mundial. Todavia os acordos de paz firmados em Versalhes não condiziam, segundo os italianos, com o esforço de guerra por eles realizado. Assim, um clima controverso e de insatisfação formou-se no país.

Foi em 1941, contudo, que os Estados Unidos entraram oficialmente na guerra, após a base naval de Pearl Harbor ter sido atacada por aviões japoneses.

O Tratado de Brest-Litovsk foi um tratado de paz assinado entre a Rússia (já governada pelos bolcheviques) e as chamadas Potências Centrais (Alemanha, Áustria-Hungria, Bulgária e Império Otomano). Esse acordo foi assinado em 3 de março de 1918 e oficializou a retirada da Rússia da Primeira Guerra Mundial.

Nos estágios iniciais da guerra, os diplomatas das potências aliadas cortejavam a Itália, tentando garantir sua participação na guerra ao lado da Entente. Este cortejo culminou no Tratado de Londres de 26 de abril de 1915, no qual a Itália renunciou a qualquer obrigação que tivesse com a Tríplice Aliança.

Diferentemente do que diziam as legendas do álbum "Fotos trazem cenas inéditas de celebração e destruição na Primeira Guerra Mundial", a Itália começou a Primeira Guerra Mundial ao lado de Alemanha e do Império Austro-Húngaro, mas em 1915 trocou de lado e juntou-se aos aliados --Reino Unido, França e Rússia.

A rendição da Itália aos Países Aliados aconteceu em 3 de setembro de 1943, com o armistício assinado pelo general Pietro Badoglio, então primeiro-ministro da Itália.

Ficou conhecida como Tríplice Entente (entente = acordo, contrato) a coalizão militar constituída na primeira década do século XX, onde os Impérios Britânico, Russo e República Francesa se uniram para fazer frente à política expansionista de outro bloco, a Tríplice Aliança (constituída pelos Impérios Alemão, Italiano e ...

Durante a Segunda Guerra Mundial, os países lutaram como parceiros de uma das duas principais alianças: a do Eixo ou a dos Aliados. Os três principais parceiros da aliança do Eixo eram a Alemanha, a Itália e o Japão.

As trincheiras eram grandes valas cavadas no solo pelos próprios soldados, formando um corredor ou uma linha de defesa de determinada região estratégica, geralmente cobiçada por exércitos rivais.

O assim chamado “Revanchismo Francês” foi a postura adotada pela França durante o período imediatamente anterior à Primeira Guerra Mundial, causado por uma série de fatores, principalmente externos, que acenderam no povo francês um desejo de vingança e revanche, principalmente contra a vizinha e recém unificada ...

E por que ocorreu? No geral, a expressão "Paz Armada" faz referência ao momento que antecede a Primeira Guerra Mundial (1914-1918), em que as principais potências europeias viviam uma corrida armamentista sem, supostamente, a intenção de dar início a um conflito.