Quais materiais podem ser reciclados?

Perguntado por: rcarvalho . Última atualização: 15 de julho de 2022
4.5 / 5 6 votos . 11 colaboradores . 1087 visualizações

Como diz a máxima, nada se rejeita, tudo se aproveita. Podemos responder quais são os materiais que podem ser reciclados, vidro, plástico, papel,papelão, metal, madeira e orgânicos.

Jornais, revistas, correspondências, envelopes. Papéis de embrulho em geral, papel de seda, sacolas e sacos de papel, embalagem longa vida. Papelão, cartolinas, embalagem de ovo. Papel kraft, papel heliográfico, papel filtrante, papel de desenho.

Os materiais mais reciclados no Brasil são: aço, papel e o vidro. A reciclagem é um processo que permite o reaproveitamento de determinados materiais, que são utilizados para a confecção de novos itens que poderão ser consumidos para diversos fins.

o alumínio

Um dos melhores materiais quando se trata de reciclagem é o alumínio. Ele pode ser reciclado infinitamente, já que não perde a sua composição ao longo do processo de reciclagem. Além disso, ele é um dos materiais mais valiosos para o processo.

Reciclável: Embalagens, Copos, Vidros especiais como tampa de forno micro-ondas), Frascos de remédio vazio, Potes de conserva, Cacos, Garrafas. Não reciclável: Óculos, Lâmpadas, Espelhos, Louças, Ampolas de remédios, Boxes Temperados, Pirex, Cerâmicas, Para-brisa de carros, Porcelanas, Tubos de TV e monitores.

Quais tipos de embalagens podem ser reciclados? 5 min read

  • Embalagens plásticas. As embalagens plásticas são largamente utilizadas para embalar cereais, líquidos e, até mesmo, alimentos em conserva. ...
  • Embalagens de papel. ...
  • Embalagens de vidro. ...
  • Embalagens de metal.

O papel é o que tem a vida mais curta dentro do processo de reciclagem. Ele aguenta apenas de cinco a sete reciclagens, isso porque sua composição é de fibras sensíveis e leves.

É importante reciclar: revistas, garrafas PET, latas de bebidas (com os anéis), canos, lâmpadas LED, a maioria das embalagens e papéis — desde que limpos e secos —, entre outros.

4 dicas para fazer a reciclagem do lixo em sua casa

  1. Aproveite o máximo do lixo orgânico. ...
  2. Separe o lixo seco pelo tipo de materiais.
  3. Tenha muito cuidado no descarte de resíduos perigosos.
  4. Adote e ensine atitudes sustentáveis às crianças.

De acordo com a pesquisa, os resíduos recicláveis secos são compostos principalmente pelos plásticos (16,8%, com 13,8 milhões de toneladas por ano), papel e papelão (10,4%, ou 8,57 milhões de toneladas anuais), vidros (2,7%), metais (2,3%) e embalagens multicamadas (1,4%).

O Brasil figura entre os principais países recicladores de papel do mundo. Em 2018, 5,1 milhões de toneladas retornaram para o processo produtivo. O índice de reciclagem geral para o papel é de 66,9% (2019). Se considerarmos somente os papéis de embalagem, esse índice fica em torno de 85%.

latas de alumínio

As embalagens longa vida são as menos recicladas (pela dificuldade de separação dos componentes) com 26,6%. As latas de alumínio têm o maior percentual de material reciclado devido ao alto valor de mercado da sucata de alumínio, associado ao elevado gasto de energia necessário para produção de alumínio metálico.

Papeis podem se tornar decoração em artesanatos ou bloco de anotações para rascunho. Uma lata, ao ser decorada, pode voltar a ter utilidade como um cofre ou uma porta objetos. Tampas de garrafas plásticas, barbante e embalagens, como as de iogurte, podem se tornar um brinquedo infantil.

Como mencionamos no tópico anterior, ao contrário do papel e de outros materiais, o metal pode passar infinitas vezes pela reciclagem sem perder suas propriedades. No caso do alumínio, esse processo ainda pode poupar a extração da bauxita.

Metais não recicláveis: clipes, grampos, esponjas de aço, latas de tintas, latas de combustível e pilhas. Plásticos não recicláveis: cabos de panela, tomadas, isopor, adesivos, espuma, teclados de computador, acrílicos.

Metais não recicláveis: esponja de aço, grampos de papel e latas de embalagem de produtos químicos (tintas, medicamentos, agrotóxicos).

Adesivos, etiquetas e fita crepe, papel carbono, fotografias, papel toalha, papel higiênico, papéis engordurados, papéis metalizados, parafinados ou plastificados, grampos, esponjas de aço, pilhas e isopores, bem como cristais e ampolas de medicamentos…

As embalagens recicláveis apresentam o símbolo universal da reciclagem, que é formado por três setas, formando um triângulo. Para diferenciar cada tipo de material, são utilizadas variações no símbolo universal da reciclagem. Alguns materiais possuem até mesmo um ícone específico que substitui o símbolo universal.

Conheça alguns dos principais deles a seguir!

  1. Embalagem de madeira. A madeira foi um dos primeiros materiais usados como embalagem. ...
  2. Embalagem de papelão ou papel. ...
  3. Embalagem de vidro. ...
  4. Embalagem de alumínio. ...
  5. Embalagem de plástico. ...
  6. Embalagem de isopor. ...
  7. Embalagem Tetra Pak. ...
  8. Embalagem laminada.

Reciclagem: quais tipos de plásticos podem ser reciclados?

  • Embalagem descartável;
  • Sacos de lixo;
  • Garrafas Pet;
  • Lixeiras;
  • Componentes de computador, celulares, tablets, televisão;
  • Componentes de geladeiras e fogões;
  • Embalagens de alimentos e remédios;
  • Materiais hospitalares como seringas, cateteres, bolsas de sangue.