Quais conflitos estão associados as tensões entre diferentes grupos étnicos?

Perguntado por: upereira . Última atualização: 15 de julho de 2022
4.1 / 5 14 votos . 9 colaboradores . 508 visualizações

RESPOSTA: As guerras árabe-israelenses e o conflito pela região da Crimeia são exemplos de tensão entre diferentes grupos étnicos (pertencentes à Rússia e à Ucrânia) na disputa por território.

Os conflitos étnicos são justificados por diversas motivações, especialmente políticos, territoriais e religiosos. Os atos de violência são recorrentes, provocando a morte de milhões. O conflito entre israelenses e palestinos dura mais de 70 anos, sendo a cidade de Jerusalém o principal foco da disputa.

Os conflitos étnicos podem estar entre diferentes grupos raciais, como o atrito entre negros e brancos nos Estados Unidos e África do Sul causado pela segregação racial e o "apartheid"; entre grupos racialmente homogêneos, mas de grande diversidade religiosa como o conflito entre católicos e protestantes na Irlanda do ...

O conceito sociológico de conflito étnico ou guerra étnica é usado sempre que a tensão entre diferentes grupos chegar à violência física e tiver como motivação ou fator preponderante as diferentes origens culturais, religiosas, raciais ou geográficas. A formação dos Estado-nação são resultado de dinâmicas de poder.

Principais conflitos religiosos mundiais

  • Afeganistão. Há centenas de anos que o território do Afeganistão sofre com guerras por motivações religiosas. ...
  • Nigéria. O continente africano é marcado por uma diversificação cultural ampla. ...
  • Iraque. ...
  • Israel – Palestina. ...
  • Sudão.

Os conflitos étnicos no Brasil tiveram início durante a colonização e exploração portuguesa. Além da doutrinação religiosa, a chegada dos europeus provocou o extermínio de milhares de tribos. Estima-se que, em 1500, o contingente indígena no país era de aproximadamente 4 milhões.

A maior parte destes conflitos envolve disputas por território e inclui, dentre as motivações, diferenças étnicas, religiosas e o controle de recursos naturais. Para além dos conflitos em andamento, existem ainda zonas de grande tensão geopolítica, como é o caso da Coreia do Norte e do Irã.

Um conflito pode surgir quando uma das partes sente que carece de informações importantes. Quando os colaboradores estão experimentando continuamente mudanças que eles não foram informados adequadamente. Ou se há decisões as quais o pessoal sente que deve estar envolvido.

Conflitos na ex-Iugoslávia
Em 1945, o território foi reordenado segundo as diferenças étnicas, linguísticas e religiosas, dando origem a seis repúblicas que, juntas, formavam a então Iugoslávia: Eslovênia, Croácia, Sérvia, Bósnia- Herzegovina, Montenegro e Macedônia.

RESPOSTA: As guerras árabe-israelenses e o conflito pela região da Crimeia são exemplos de tensão entre diferentes grupos étnicos (pertencentes à Rússia e à Ucrânia) na disputa por território.

Pode-se constituir uma intolerância ideológica ou política, sendo que, ambas têm sido comuns através da história. A maioria dos grupos religiosos já passou por tal situação numa época ou outra. Floresce devido à ausência de liberdade de religião e pluralismo religioso.

Não é possível realizarmos tal afirmação, haja vista que conflitos mundiais podem ter demais razões e motivações, como por exemplo, conflitos bélicos ocasionados por imperialismo ou por questões sociais.

Vê-se também que a guerra e os conflitos eram práticas recorrentes entre tribos por conta da diversidade de culturas disputando territórios. Com a finalidade também de acabarem com seus inimigos, algumas tribos se aliavam aos portugueses e, assim, estes conseguiam indígenas para trabalharem.

A maior parte dos indígenas que percebem os conflitos afirma que estes envolvem terra (73%), sobretudo a invasão das terras indígenas (38%) pelos pecuaristas, fazendeiros, arrozeiros e garimpeiros (36%), somente 2% afirmam que os índios invadem terras alheias.

Desde junho de 2020, uma série de conflitos entre indígenas e garimpeiros são registrados no território, nas comunidades Maloca do Macuxi, Xirixana de Helepi e, mais recentemente, em Palimiú, no município de Alto Alegre, ao Norte de Roraima.

Os conflitos na África são basicamente motivados por disputas territoriais; golpes de estados, que geram crises políticas; rivalidades tribais, motivadas por questões étnicas ou religiosas; disputas por água e recursos minerais; e imersão do povo na miséria.

Resposta: Rivalidades étnico-religiosas, disputas por recursos naturais de grande valor econômico e disputas territoriais.

Todos os motivos apresentados nas alternativas são causadores de conflito em potencial, porém o principal é a dificuldade de comunicação. Isso ocorre pois, independentemente da situação, tudo pode ser resolvido se há diálogo, se há comunicação.

Nesta abordagem, consideram-se as causas subjacentes do conflito, isto é, o seu contexto social, político, econômico ou cultural e as situações de desigualdade de poder dominação e/ou dependência que o alimentam.

  • comportamento agressivo dos seres humanos;
  • desinformação ou má informação;
  • suposições;
  • preconceitos, vieses e gatilhos mentais;
  • stress;
  • uso ou abuso de autoridade, como a familiar ou a hierárquica nas empresas;
  • falta de cooperação, engajamento ou motivação;
  • altas expectativas e baixa performance.