Em que estrutura do sistema respiratório o gás oxigênio passa do ar para o interior do corpo?

Perguntado por: anogueira . Última atualização: 15 de julho de 2022
4.5 / 5 12 votos . 6 colaboradores . 1413 visualizações

Alvéolos pulmonares

Alvéolos pulmonares: na extremidade de cada bronquíolo, temos os alvéolos pulmonares, que são pequenos sacos rodeados por vários capilares sanguíneos. É nos capilares que o oxigênio do ar passa para o sangue e que o gás carbônico presente no sangue passa para o interior dos alvéolos, um processo denominado de hematose.

Há uma bifurcação na traqueia, que leva o ar para os dois pulmões. Chegando no pulmão, o ar atinge os brônquios, que têm pequenas ramificações, chamadas bronquíolos, responsáveis por transportar o ar inspirado até os alvéolos pulmonares, onde são feitas as trocas gasosas.

Nos pulmões, os bronquíolos terminam em pequenas bolsas chamadas alvéolos pulmonares. Os alvéolos são recobertos por uma rede de finos capilares sanguíneos. Neles, ocorre a troca de gases entre o ar atmosférico que chega até os pulmões e o sangue dos capilares.

As vias do trato respiratório dividem-se em: 1) porção condutora: constituída pelas cavidades nasais (durante a respiração forçada, a cavidade oral também faz parte dessa porção), faringe, laringe, traqueia, brônquios e bronquíolos; 2) porção respiratória: formada pelos bronquíolos respiratórios, ductos alveolares, ...

Brônquios: a traqueia se divide em dois brônquios, os quais penetram os pulmões. Bronquíolos: os bronquíolos são ramificações dos brônquios. Alvéolos pulmonares: na extremidade de cada bronquíolo, temos os alvéolos pulmonares, que são pequenos sacos rodeados por vários capilares sanguíneos.

Além de consumir gás oxigênio, o corpo produz gás carbônico, que é eliminado para o ambiente pela respiração. Ou seja, durante a respiração, o corpo absorve parte do gás oxigênio do ar à sua volta e libera parte do gás carbônico que produziu.

O ar compõe a atmosfera (camada que envolve a Terra). Essa camada ajuda a manter o nosso planeta aquecido e o protege dos raios ultravioleta.

Vento é o ar em movimento sobre a superfície da Terra. Ele move-se em um espectro de vórtices que variam na escala de turbulência visível na fumaça de cigarros até movimentos giratórios de dimensões continentais, como os existentes nos ciclones e anticiclones.

O oxigênio está presente no nosso dia a dia e, sem ele, não teríamos a vida como é hoje.

O diafragma é um músculo muito importante que atua em nossos movimentos de respiração (inspiração e expiração). Ao inspirarmos o ar, o diafragma e os músculos intercostais se contraem. O diafragma desce e as costelas sobem, fazendo com que haja aumento do volume da caixa torácica e forçando o ar a entrar nos pulmões.

Função do sistema respiratório
O sistema respiratório é um sistema do corpo humano responsável pela absorção de oxigênio e a liberação do gás carbônico. O ar é levado até os pulmões por meio da porção condutora do sistema respiratório. Quando o ar chega até os alvéolos, ocorre o processo de trocas gasosas.

O surfactante pode ter sua função de redução da tensão superficial alveolar inibida pelas proteínas plasmáticas que invadem o espaço alveolar na lesão pulmonar aguda.

A principal função do sistema respiratório é realizar a respiração, que é o que permite transportar oxigênio para todas as células do corpo e eliminar o dióxido de carbono, que é o resultado do oxigênio utilizado pelas células.

O ar inicialmente entra pelas fossas nasais onde é umedecido, aquecido e filtrado. Ele então segue para a faringe, posteriormente para laringe e para a traqueia. A traqueia ramifica-se em dois brônquios dando acessos aos pulmões.

leia mais ). O sangue pobre em oxigênio e rico em dióxido de carbono volta para o lado direito do coração através de duas grandes veias: a veia cava superior e a veia cava inferior. Em seguida, o sangue é bombeado pela artéria pulmonar até os pulmões, onde ele coleta oxigênio e libera dióxido de carbono.

Hematose são trocas gasosas que ocorrem, nos seres humanos, nos alvéolos pulmonares. Nos alvéolos, acontece a difusão do oxigênio do ar para o sangue e a difusão do gás carbônico presente no sangue para os alvéolos.

Na espécie humana, as trocas gasosas entre o ar atmosférico e o sangue ocorrem nos pulmões e constituem a respiração pulmonar. O gás carbônico é eliminado do corpo no ar expirado.

O gás carbônico é utilizado para alguns organismos realizarem a fotossíntese. O gás carbônico é um gás do efeito estufa. O carbono é encontrado nos seres vivos, atmosfera, ambientes aquáticos, solo e rochas. O ciclo do carbono envolve o ciclo geológico e o ciclo biológico.

O nitrogénio é comumente usado durante a preparação de amostras em análises químicas. Assim como também para concentrar e reduzir o volume de amostras líquidas. O nitrogênio também é importante para a indústria química. É usado na produção de fertilizantes, ácido nítrico, nylon, corantes e explosivos.

O ar é composto também por gás carbônico, gases nobres e vapor de água. O ar atmosférico é constituído por uma mistura de diversos gases, como o nitrogênio, oxigênio, gás carbônico e gases nobres. O oxigênio e o nitrogênio são os gases mais abundantes, sendo que os outros gases são encontrados em quantidades menores.